Total Pageviews

"MENINA CÔR-DE-ROSA"


Menina de asas de cetim
Tem um coração vermelho carmim

Saltitante é o seu vôo
Presto atenção nos seus movimentos por onde vou

Você veio para espargir amor
Num mundo cheio de intolerância e dor

Traga os seus sabores
E esta personalidade colorida como as flores

A sua fina voz tem o som de água corrente
Seus pensamentos mergulhados estão em muitas vertentes

Você é um docinho do céu
Para banir desta existência o fél

Seus olhinhos cor natureza
Dissipam da vida a aspereza

Jogue pelo ar
O seu pózinho de fazer amar

O seu carisma é grudento como caramelo
Sua voz harmoniosa como um cello

Menina dos sonhos
Desfarça os dissabores dos tristonhos
E transfoma a vida deles em desdobramentos risonhos

Você tem o poder de fazer crescer paz
Onde conflito se faz

É preciso haver esperança
Começando pelo mundo de uma criança

As crianças têm poesia no viver delas
Não importa se as brincadeirinhas que fazem sejam singelas
 A honestidade delas é bela

Menina côr-de-rosa
Chacoalhe as suas asinhas
Para transformar esta vida
Numa atmosfera cheia de luzinhas

Use suas poções mágicas
Tornando em pó as coisas trágicas

A Humanidade precisa ter um destino de contos-de-fada
No qual a virtude vence
O amor é pra sempre
A felicidade permanente
E a vida um eterno presente...

Venha fadinha vem
Faça o bem sem olhar a quem
Neste mundo de pessoas que na maioria das vezes
Se interessam pelos que tem
E menosprezam os sem vintém!

(Simone)

No comments: