Total Pageviews

"A BANANA"

A banana quando pequena
Tinha complexo de marciana
Por ser verde e provinciana
Dependurada no galho
De cabeça para baixo
Pálida era como um morcego que viu uma réstia de alho

Quando cresceu
Tornou-se linda e amarela
Parecendo com todas as irmãs dela

Tinha orgulho de ter curvas perigosas
As outras frutas a chamavam Dona Vistosa
E queriam que ela casasse com o Visconde de Sabugoza

Quando a banana chegou à terceira idade
Da juventude morreu de saudade
Ficou mole e cheia de catapora
Vivia num pânico de ser jogada fora

Acabou perdendo a casca
Na rua da amargura
Pisada e esmagada em cheio
Foi para a sepultura

-Simone-

No comments: