Total Pageviews

CRIANÇAS NO CINEMA...

 
 
Um bando de crianças foi ao cinema
Assistir a um filme sobre um ovo
Em clara e gema
 
Quando o ovo rachou
A garotada não aguentou
Caiu na maior gargalhada
Até lágrimas escorriam
Quanto mais riam
 
O que havia de tão engraçado
Num ovo quebrado
Eu me perguntava
A cada nova gargalhada
De um filme que era uma marmelada
 
Era um festival de mostrar os dentes e janelinhas
Até a altura das campainhas
Mal conseguiam parar para respirar
Era um absoluto desvairar
 
Quando o ovo partido foi para a panela
A criançada ficou em suspense
Chutaram sem querer um ao outro a canela
O cinema a esta altura
Estava cheirando a pão com mortadela
As menininhas todas lindas
Pareciam irmãs da Cinderela
 
Assim que a gema do ovo fritou
A garotada no riso engasgou
Feliz da vida cada um ficou
Com o ovo que na panela
O destino esmagou
Virou omelete
Grudento que nem chiclete
 
Ao final do filme
O ovo era pura gororoba
Clara e ovo
Ficaram com cara de paçoca
Cor de tapioca
E tão duros
Que nem com golpe de judoca
Daria para repartir o que deles restou
Para a lata de lixo
O ovo em alma e coração o cozinheiro arremessou
Com um olhar de desprezo dele
O pobre ovo desconjurou
Uma aberração da culinária se tornou
 
A criançada de tanto gargalhar
O estômago embrulhou
Como se tivessem comido o ovo
Que no filme estragou
Saíram da sala de cinema com dor no maxilar
Ela era de amargar
Mas o que importa é que se divertiram
Livres, leves e soltas como nunca
Riram!
 
-Simone-
 
 
 
 
 
 

No comments: